Judeus Messiânicos
 

PERGUNTA POR MATTHEW NOCK (RK list, 01.Nov.2006):

... Será que não é verdade que Judeus Messiânicos chamam a si mesmo de cristãos, todavia praticam algum Judaísmo?
Por exemplo: usam [o máximo que possam] linguagem hebraica tais como "shalom isto" e "shalom aquilo"; quando escrevem a palavra "Deus" ou "God" propositadamente as escrevem faltando letras (usualmente as vogais) tais como em "D__s" ou em "G_d" (estas são meras [e reprováveis] tradições [ou melhor, superstições] judaicas com respeito à santidade do nome de Deus, não são?); nunca usam a palavra "Jesus" mas sim "Yeshua"; etc.

Por favor, será que alguém poderia lançar mais luz sobre quão próximo ou quão afastados esses Judeus Messiânicos estão da verdade?



 

RESPOSTA POR CARROLL REDD (G.MAN)  (RK list, 01.Nov.2006):

0) Preliminar: VOCÊ terá entender que sempre TERÁ QUE TESTAR OS ESPÍRITOS (isto é, as pessoas) para ver se eles (isto é, as pessoas) são ou se não são de Deus:
- “Qualquer que nega o Filho, também não tem o Pai; mas aquele que confessa o Filho, tem também o Pai.” (1Jo 2:23)
- “E todo o espírito que não confessa que Jesus Cristo veio em carne não é de Deus; mas este é o espírito do anticristo, do qual já ouvistes que há de vir, e eis que já está no mundo.” (1Jo 4:3)
- “Qualquer que confessar que Jesus é o Filho de Deus, Deus está nele, e ele em Deus.” (1Jo 4:15)

1) Teste 1: plena DIVINDADE DE CRISTO.
Teste se REALMENTE os Judeus Messiânicos crêem que Jesus Cristo é O Deus eterno, onisciente, onipotente, supremamente (insuplantavelmente) elevado, criador de todas as coisas e jamais criado, auto-existente, Senhor de tudo e de todos, etc.
- “No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus.” (Jo 1:1)
- “E sabemos que já o Filho de Deus é vindo, e nos deu entendimento para conhecermos o que é verdadeiro; e no que é verdadeiro estamos, isto é, em seu Filho Jesus Cristo. Este é o verdadeiro Deus e a vida eterna.” (1Jo 5:20)



2) Teste 2: SANGUE DE CRISTO.
Teste se os Judeus Messiânicos realmente crêem que o único caminho para a salvação é arrependerem-se de seus pecados, crerem SOMENTE e TOTALMENTE em Jesus Cristo como O Deus eterno que, sem jamais deixar 1mm de ser pleno Deus, também tomou 100% da natureza humana (mas sem sombra de poder pecar) e derramou Seu sangue literal em nosso lugar, pagando nosso pecado, definitivamente cobrindo-o (mais que expiando-o). Teste se  os Judeus Messiânicos crêem que, sem derramamento do sangue de Cristo, não haveria salvação possível. E se realmente crêem que não há outro modo de ser salvo senão pela aplicação desse sangue, em fé bíblica.
“E quase todas as coisas, segundo a lei, se purificam com sangue; e sem derramamento de sangue não há remissão.” (Hb 9:22)



3) Teste 3: A BÍBLIA (seus 66 livros) É INERRÁVEL E INFALIVELMENTE INSPIRADA E PRESERVADA POR DEUS, DA FORMA MAIS ABSOLUTAMENTE PERFEITA, EM CADA TRACINHO DE CADA LETRA.
Teste se os Judeus Messiânicos realmente crêem nisso: "Somente [toda] a Escritura"
“16 Toda a Escritura é divinamente inspirada, e proveitosa para ensinar, para redargüir, para corrigir, para instruir em justiça;” (2Tm 3:16)

 





[Eu poderia escrever umas 20 páginas sobre o assunto, mas] Tenho certeza de que, antes que você chegue tão distante [e somente com os 3 simples testes acima] você mesmo terá descoberto  resposta à sua pergunta.


Tradução e adaptação por Hélio de M. Silva, 01.Nov.2006



Todas as citações bíblicas são da ACF (Almeida Corrigida Fiel, da SBTB). As ACF e ARC (ARC idealmente até 1894, no máximo até a edição IBB-1948, não a SBB-1995) são as únicas Bíblias impressas que o crente deve usar, pois são boas herdeiras da Bíblia da Reforma (Almeida 1681/1753), fielmente traduzida somente da Palavra de Deus infalivelmente preservada (e finalmente impressa, na Reforma, como o Textus Receptus).




(retorne a http://solascriptura-tt.org/ Seitas/
retorne a http:// solascriptura-tt.org/ )